terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Bolo com Cerveja Guiness (ou qualquer cerveja tipo stout) adaptado - totalmente Nigella inspired!


Vi a receita do Chocolate Guiness Cake da Nigella várias vezes e sempre fiquei com vontade de testar. Mas, cada vez que eu ia fazer, acabava indo nas minhas receitas já conhecidas e favoritas de bolo de chocolate, especialmente porque não tinha a cerveja Guiness aqui em casa e porque tinha que preparar o sour cream, produto tão difícil de achar por aqui. 

Ou seja, teria que haver preparação e planejamento. Pois bem, o Celo, meu filho, tem um casal de amigos que são daquelas pessoas que viram da família, o Thiago e a Paulinha. Tão da família que tornaram-se duas cobaias frequentes da minha cozinha! hahahaha

Carnaval, feriado, não iríamos viajar e a Paulinha e o Thiago vinham jantar. Aha!! Chegou a hora! Comprei os ingredientes, preparei o sour cream, mas estava reticente com o seguinte: a cobertura do bolo é feita com cream cheese e creme de leite fresco, portanto, é um bolo de geladeira, certo? Mas a gordura significativa da massa está nos 250 grs de manteiga. Bolo com massa de manteiga na geladeira fica duro...Teria que tirar da geladeira, esperar ficar em temperatura ambiente e aí servir, e, assim, o geladinho da cobertura iria embora... Não usaria manteiga; Aí, a receita manda ferver a cerveja com a manteiga até derreter. Eu não ita mesmo usar manteiga..não fervi a cerveja, hahaha. E o cacau...uso cacau 100% puríssimo. É forte. Fortão mesmo. Diminuí a quantidade, aí aumentei no açúcar o tanto que tirei do cacau.

Ah, o bicarbonato de sódio...ah, o bicarbonato...o gosto metálico deixado pelo carbonato de sódio produzido pelo bicarbonato quando esquenta não me agrada e eu sou capaz de sentir de longe (ainda mais se eu sei que tem - hahahaha). Não discuto suas propriedades positivas na massa, mas seria indispensável um limãozinho para dar uma amenizada no gostinho do bicarbonato, pois nem o limão do sour cream, nem o próprio cacau 100%, que são dois ingredientes que poderiam atenuar o tal gostinho, seriam suficientes na minha opinião. O que fiz? Coloquei menos da metade do bicarbonato indicada, completando a quantidade com fermento.

Só mais uma coizinha...a cobertura. Na receita são 300 grs de cream cheese para 150 grs de açúcar, para 125 grs de creme de leite fresco. Aumentei bem a proporção do creme de leite em relação ao cream cheese, porque sim hahaha e coloquei extrato de baunilha, porque sim também!! A Nigella manda bater o creme de leite, o cream cheese e o açúcar tudo junto. Não gosto de fazer isso, porque não consigo controlar o ponto do creme de leite. Prefiro, inclusive, a textura do creme quando eu incorporo o chantili, já batido, lentamente no cream cheese batido com o açúcar. Foi o que eu fiz.

Ou seja, o bolo da Nigella está aqui, e este que eu fiz é totalmente inspirado no dela, com algumas alterações. E o resultado?? Palmas para ela!! O bolo é sensacional!! Denso e cheio de chocolate, e traz o saborzinho do malte da cerveja no fundo. A Guiness é uma cerveja especial e muito admirada na Irlanda, mas acredito que se obtenha bons resultados com outra cerveja tipo stout.  Olha um pedacinho dele aí:




A receita, como eu fiz:

INGREDIENTES

Bolo:
- 250 ml de cerveja Guiness
- 250 ml de óleo (sempre uso de girassol, porque não é transgênico)
- 50 grs de cacau 100%
- 450 grs de açúcar (usei o demerara)
- 140 ml de sour cream (basta colocar umas 3 colheres de suco de limão - usei o siciliano - em 240ml de creme de leite fresco e misturar até ele começar a ganhar certa consistência. deixar fora da geladeira coberto por umas 8 horas e pronto!)
- 2 ovos grandes
- 2 colheres de extrato de baunilha*
- 1 pitada de sal
- 275 grs de farinha de trigo
- 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
- 1 1/2 colher de chá de fermento em pó

Cobertura:
- 150 grs de cream cheese
- 100 grs de creme de leite fresco
- 4 colheres de sopa de açúcar + 100 grs de açúcar
- 1 colher de sopa generosa de extrato de baunilha

* Para fazer seu extrato de baunilha, basta colocar 9 favas de baunilha, as sementes raspadas e as favas, em 1 litro de vodka e deixar maturar por, pelo menos, 3 meses - idealmente uns 6 meses - guardada em local protegido da luz, lembrando de dar umas balançadas no vidro de vez em quando. Vale muito a pena, pois é o extrato puro, muito melhor do que aqueles que a gente compra e paga uma fortuna. E é  incomparável a qualquer essência de baunilha, pois nesta vai até madeira... A baunilha é originária de uma orquídea e cada orquídea dá apenas uma fava, esta a razão de ser tão  cara. Aqui no Brasil então é caríssima, por isso, quando for viajar, aproveite para fazer um estoque! Mas, mesmo com o preço da fava de baunilha, fazendo em casa você terá um litro de extrato de baunilha por valor que pode ir de R$ 100,00 a R$ 200,00 (dependendo do valor que pagar nas favas), sendo que o vidrinho de 50 ml do extrato de baunilha da Nobu custa em torno de R$ 50,00...

MODO DE FAZER

Bolo:

Misture o óleo, os ovos, o açúcar, o extrato de baunilha, a pitada de sal,  a cerveja e o sour cream com um fouet até estar tudo incorporado. Junte a farinha aos poucos, misturando sempre. Acrescente o fermento e o bicarbonato, mexa apenas até misturar. Coloque em forma untada e polvilhada com cacau (para o bolo ficar bem pretinho). Eu usei uma forma de 23 cm, forrada com papel manteiga, tudo devidamente untado e polvilhado com cacau. Assar em forno pré aquecido a 180ºC, até que colocando um palito no meio ele saia limpo, lembrando de nunca abrir o forno antes de passados uns 25 minutos ou de começar a sentir o cheiro do bolo pela casa (o meu levou uns 45 minutos para assar). Deixar esfriar.

Cobertura:

Bata o creme de leite com as 4 colheres de açúcar e meia colher de extrato de baunilha até o ponto de chantili firme. Reserve. Bata o cream cheese com as 100 grs de açúcar e a meia colher de baunilha restante até ficar fofo. Misture delicadamente o chantili no cream cheese batido e cubra o bolo, que deve estar totalmente frio. Coloque na geladeira apenas para gelar a cobertura e sirva, melhor dizendo, coma!! hahaha

Uma delícia!! Salve a Nigella!!

Obs.: minhas cobaias aprovaram!!







Curiosidade: a latinha de cerveja Guiness vem com uma bolinha de plástico dentro e eu não sabia porque... fui xeretar e vi que ela serve para que você balance a lata no final da cerveja para que gere uma espuma que segurará o sabor por mais tempo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário