terça-feira, 10 de março de 2015

Tudo começou com umas framboesas e umas flores...Naked Cake de Framboesa e Amora e uns Mirtilinhos para decorar...



Tinha umas framboesas que passaram o natal e o verão no meu congelador. Precisava dar cabo delas. Mas, que dúvida! eu acho tudo com framboesa bom, hahaha. Aí, me veio a ideia de fazer um bolo com as framboesas batidas com leite, no lugar de usar só o leite. Já vi bolo e muffins com as framboesas inteiras, colocadas na massa, mas com elas batidas eu não tinha visto. 

Pera aí...deixa eu começar do começo: sábado tinha ido ao mercado e comprado umas flores. Adoro colocar flor em casa e sempre compro, nem que seja um vasinho...mas, neste final de semana as flores estavam lindas (acho que por conta do dia da mulher) e estavam vendendo as rosas por unidade. Ahhh, adoooro! Poder misturar as cores é demais! 


Como nem tudo são flores...quando cheguei em casa, estava com um pedreiro/pintor/eletricista, enfim, um faz tudo aqui (praticamente um sexta-feira - quem leu Robinson Crusoé me entende...) e tinha que resolver umas coisas no quintal. Aí, na pressa, queria colocar as flores na água, enquanto não resolvia como arranjá-las. Peguei um pote, mas pareceu raso e pequeno, um vaso, mas era estreito...quando olhei para minha batedeira...aha! foi lá mesmo. E não é que eu achei que ficou  lindo! Adorei a ideia e acabei deixando as flores lá até ontem!

Aí, é óbvio que eu tinha que tirar foto das flores na batedeira! mas, se eu ia tirar foto das flores, deveria fazer um post. E, se eu ia fazer um post, tinha que fazer uma receita e aí eu cheguei nas framboesas! Pois, se ia fazer uma receita, teria que ser com as framboesas! E assim funciona uma cabeça como a minha! hahahaha







O caso é que, com esta história toda de flor e batedeira e framboesa, eu não poderia usar a batedeira, só se fosse a manual. Aí que veio a ideia do bolinho. É desses de se fazer em minutos, só misturando tudo. Fiz a substituição do leite pelo leite batido com as framboesas e fui em frente. Vocês não fazem ideia do bolo que ficou! É uma delícia, para comer puro, assim, como um bolinho para acompanhar um café, um chá... A única observação é que aquela massa rosa, linda, que a gente põe no forno, resulta numa massa (por dentro do bolo) meio escura, nem rosa, nem bege...hahaha, mas vale do mesmo jeito! 

O que eu não contei é que eu tinha comprado mirtilos e framboesas para colocar no iogurte (em franca e honesta tentativa de retornar à minha alimentação super mega hiper saudável - hahaha). Mas...olhei para o iogurte e olhei para aqueles bolinhos (tinha assado em duas formas para congelar um) e os bolinhos venceram! Ainda mais quando eu me lembrei da ganache de amora que eu tinha guardada (sobra do recheio dos últimos macarons feitos). Estava decidido. Ficou fantástico!! Modéstia toda de lado!





Chega de tanto papo furado, hahaha. Confere a receita:




INGREDIENTES

Bolo
-  200 grs de framboesas congeladas batidas com 1/4 de xícara de leite
-  leite quanto baste para completar a mistura acima até formar 1 xícara  (caso a mistura de framboesa com leite não resulte 1 xícara)
- 3/4 de xícara de óleo de girassol
- 4 ovos
- 2 xícaras de farinha de trigo
- 2 e 1/2 colher de chá de fermento

Creme de Amora
- 175 grs de chocolate branco picado
- 85 grs de amoras congeladas
- 10 grs de xarope de glicose (pode ser karo)
- 12 grs de manteiga sem sal em temperatura ambiente
- 200 grs de creme de leite fresco
- 3 colheres de sopa de açúcar
- 1 colher de sopa de extrato de baunilha

Calda
- 2 xícaras de água
- 1 xícara de açúcar
- gotas de limão

Frutas
- framboesas frescas

MODO DE FAZER

Comece com o creme e a calda. Podem ser feitas com um dia de antecedência.

Creme de Amoras

Faça uma ganache: coloque as amoras em uma panela e junte a glicose e deixe ferver até as amoras estarem descongeladas. Tire do fogo e jogue esta mistura sobre o chocolate picado, cobrindo-o o máximo possível. Deixe por um minuto e mexa bem com uma colher até estar bem incorporado e o chocolate bem derretido. Junte a manteiga e misture bem novamente, até incorporar. Leve à geladeira por 8 horas, no mínimo.
Bata o creme de leite com o açúcar e a baunilha até o ponto de chantili firme.
Passado o tempo de refrigeração, retire a ganache da geladeira e deixe uns 20 minutos fora para ela não ficar tão firme. Misture a ganache com um garfo. Junte uma terça parte do chantili à ganache, mexendo delicadamente, até misturar bem. Aos poucos ir acrescentando o restante do chantilli envolvendo a mistura delicadamente, para não perder a aeração. Levar novamente à geladeira por meia hora.

Calda

Misturar todos os ingredientes e levar ao fogo até ferver. Deixar esfriar. \Reserve.

Bolo

Coe a mistura de leite com framboesas. Reserve. Misture os ovos batidos com um fouet, o leite batido com a framboesa e o óleo até estar tudo bem incorporado. Coloque a farinha peneirada aos poucos, misturando sempre com o fouet. Por fim, junte o fermento e mexa delicadamente. Divida em duas assadeiras de 18 cm, forradas com papel manteiga, untadas e enfarinhadas, e leve para assar em forno pré aquecido a 180ºC. Depois de assado, reserve até esfriar. Após esfriar, desenforme e acerte o topo dos bolos com uma faca até ficarem bem retinhos e da mesma altura. Reserve.

Montagem

Parta os bolos ao meio. Passe numa metade a calda, com um pincel. Cubra com o creme de amoras, generosamente. Cubra com framboesas frescas, mas não coloque muito, coloque-as bem espaçadas. Cubra com uma metade do bolo e repita. Cubra com mais uma metade e repita novamente. Por fim, cubra com o bolo, tendo o cuidado de deixar a parte que ficou para baixo na forma ao assar virada para cima. Coloque a ganache que restou sobre o bolo e decore com as framboesas (eu coloquei mirtilo e flores também para dar um contraste). Acerte o creme nas laterais do bolo, com uma espátula ou faca sem serra e leve à geladeira até a hora de servir.

Está feito e é a maior delícia!!!



















Nenhum comentário:

Postar um comentário